Na mulher + 40 a vontade de comer aumenta, sabia?

Na mulher +40 a vontade de comer aumenta, concluiu estudo que apontou a Perimenopausa como responsável. Nesse sentido, as pesquisas médicas viriam a confirmar o que a maioria de nós já desconfiava: depois dos 40 anos as mulheres engordam! Isso ocorreria em função da diminuição dos hormônios femininos, que iniciaria nesta fase da vida. Como consequência, a vontade de comer aumentaria, o metabolismo seria afetado e diminuiria, o que resultaria no aumento do peso corporal.

Sério?! A perimenopausa engorda ?

Tenho certeza de que você já suspeitava disso, não é?

A perimenopausa aumenta a vontade de comer

Sim, já existe ampla documentação que pode confirmar que, aproximadamente, 10 anos antes da última menstruação, o organismo feminino começaria a ser atingido pelas flutuações dos hormônios ovarianos características da transição hormonal da menopausa. Isto corresponderia à faixa de idade dos 40 e poucos anos. Assim, poderíamos deduzir que a partir dessa idade, nosso apetite começaria a aumentar!

Há muitos anos, os pesquisadores vinham procurando os fatores que estariam por trás do aumento do peso na menopausa. Queriam saber se seriam alterações no estilo de vida, como o sedentarismo, por exemplo, ou modificações metabólicas e/ou hormonais que estariam provocando a indesejável mudança no apetite feminino ao final da vida reprodutiva.

Pesquisadores da Oregon Health and Science University, em Portland, descobriram que a diminuição dos hormônios femininos que ocorre a partir do início da Transição da Menopausa, poderia ser o fator desencadeante dos problemas relacionados ao peso e, não, a falta de força de vontade das mulheres.

Mulher com excesso de peso segura uma camada de gordura localizada no flanco, mostrando-se aborrecida.
A Perimenopausa/Menopausa aumentariam a fome, podendo resultar em “pneuzinhos” de gordura.

Emagrecer depois dos 40 anos é complicado!!!

O estudo realizado em Portland, nos Estados Unidos, encontrou dados interessantes que podem vir a nos ajudar a entender a razão pela qual na mulher +40 a vontade de comer aumenta. Os pesquisadores compararam o peso corporal de mulheres na faixa dos 20 a 30 anos com o peso de mulheres na meia-idade. Dessa forma, constataram que o número de mulheres com excesso de peso e obesidade na meia-idade era 12 % maior em relação às mulheres de 20 a 30 anos.

Para a maioria das mulheres, independentemente de sua nacionalidade, a parada da menstruação [ chamada de menopausa ] tenderia a ocorrer entre os 45 e 55 anos de idade.

Nós, brasileiras, costumamos ter a Menopausa [última menstruação de nossa vida] em torno dos 51 anos de idade. Entretanto, 10 anos antes e, às vezes, até mais, o organismo começaria o longo processo de desmantelamento da capacidade reprodutiva da mulher. Isso ocorreria como consequência da diminuição do estoque de óvulos, nos ovários, e redução dos níveis de estrogênio e progesterona, hormônios dominantes relacionados ao sistema reprodutivo da mulher.

Uma balança e uma fita métrica lembram a importância de se manter o peso na Menopausa
O aumento do peso na Menopausa deve ser observado com muita atenção pois pode levar a várias doenças.

Por isso, emagrecer depois dos 40 é muito difícil.

Depois dos 40 anos!

Se a idade média da Menopausa das brasileiras é 51 anos, em média, e o início das flutuações hormonais, que vão culminar com a Menopausa, podendo até mais de 10 anos antes da Menopausa, corresponderia ao início dos 40!

Isso ocorreria, independentemente, dos seus ciclos menstruais estarem perfeitos, de você ser friolenta, de nunca ter suado na vida e sentir que está no auge de sua vida. As sutis oscilações hormonais já iniciaram e, as primeiras a acontecerem são neurológicas.

Depois dos 40 anos. Cedo, não é?

Creio que poucas mulheres têm a noção de que a Menopausa poderia começar a se manisfestar tão cedo e de tantas maneiras!

Mulher está pegando um doce folhado mostrando como e difícil emagrecer depois dos 40.
Na mulher +40 a vontade de comer aumenta.

Estudo mostrou aumento de 67% na ingestão de alimentos iniciando na Perimenopausa

Um estudo muito significativo sobre a maior vontade de comer na Menopausa foi apresentado na reunião anual da Society for Neuroscience.

O objetivo principal desta pesquisa era avaliar as ações dos hormônios estrogênio e progesterona sobre o apetite de um grupo de macacas saudáveis e férteis. Num primeiro grupo, os pesquisadores observaram as cobaias em funcionamento normal. Num segundo grupo, as macacas tiveram sua produção de hormônios sexuais bloqueada com a finalidade de simular uma menopausa. Nos dois grupos o apetite foi avaliado durante 6 semanas no total.

No grupo que estava em “menopausa”, ou seja, com os níveis de estrogênios e progesterona praticamente zerados, ocorreu um aumento de 67% na ingestão de alimentos, resultando em ganho de peso significativo e rápido. Desse modo, ao final do estudo, estas macacas que estavam num estado que imitava Menopausa, tiveram um aumento de 5%, em média, no peso corporal.

Menopausa engorda: peso aumentou 5 %

O estudo também descobriu que, assim como algumas mulheres transitam pela meia-idade sem ganhar uma única grama de peso, entre as macacas analisadas , algumas tiveram a mesma sorte. A pesquisa percebeu que alguns animais ingeriram muito mais calorias, mas não ganharam peso, enquanto outros, proporcionalmente ao que foi ingerido, engordaram muito pouco.

A coordenadora do estudo, a médica Judy Cameron, professora de Obstetrícia e Ginecologia, especulou que o estrogênio poderia afetar não apenas a ingestão de alimentos, mas, também, o metabolismo e o nível de atividade física das macacas.

Bela xícara de café e um delicioso croissant estão sobre uma mesa e dificultam emagrecer depois dos 40 .
Delícias ‘engordantes’ dificultam emagrecer depois dos 40.

A Dra. Cameron acredita que este estudo tenha implicações profundas para as mulheres que se aproximam da meia-idade. Isso, porque, de uma perspectiva reprodutiva, macacos e humanos são praticamente idênticos.

Mesmo as mulheres magras não são imunes a isso: estudos mostraram que mulheres de todos os biotipos tenderiam a aumentar a gordura corporal ou seja, a massa gorda, durante os anos da menopausa.

E a massa magra? Qual seria sua participação no aumento do peso na Menopausa?

É, aí, que entram os estudos da Dra. Cynthia Sites, médica-pesquisadora e professora da Faculdade de Medicina, da disciplina de Obstetrícia e Ginecologia da Universidade de Vermont, em Burlington, nos Estados Unidos. Segundo ela, com a chegada da Menopausa e com o progredir da idade, as mulheres tenderiam a perder massa muscular.

Metabolismo diminui depois dos 40 anos

O tecido muscular [ a massa muscular] seria metabolicamente ativo e influenciaria diretamente no gasto energético do organismo e em seu metabolismo basal. Num organismo saudável, a massa muscular consumiria muito mais calorias para se manter “viva”, quando estamos dormindo ou em repouso, do que o tecido adiposo [a massa gorda]. Portanto, quando a massa muscular diminui, o metabolismo basal diminui proporcionalmente.

Nas mulheres que já possuíam uma tendência para a obesidade, além do aumento do peso corporal, também, ocorreria um aumento da massa gorda, potencializado pela diminuição da massa magra do organismo. Naquelas que não possuíam uma grande tendência para engordar, o peso na balança até poderia continuar o mesmo, mas a quantidade de gordura corporal aumentaria.

Isto ocorreria às custas da diminuição da massa magra, a massa livre de gordura do organismo, e do aumento quase igual da massa gorda, resultando na manutenção do mesmo peso na balança.

Manter o peso é difícil pois a Menopausa aumenta vontade de comer

Mulher de meia-idade está praticando atividade física para manter o peso na Perimenopausa.
Manter o peso na Menopausa não é uma tarefa fácil… Emagrecer depois dos 40 é complicado , mas não é impossível !‼

Com a chegada da Menopausa, manter o peso passa a ser uma tarefa árdua para todas. As mulheres não, apenas, precisam enfrentar e dominar um apetite maior, mas, também, precisam equilibrar um organismo que está queimando menos calorias do que anos antes.

Como emagrecer depois dos 40 anos? Dicas

Na opinião da Dra. Cameron, lutar contra o ganho de peso que tende a ocorrer na Transição da Menopausa e Pós-menopausa, exigiria muito esforço, mas seria possível. O conselho padrão para perda de peso se aplicaria nesta situação também. Portanto, deveria haver um aumento da ingestão de alimentos ricos em fibras, com poucas calorias e pobre em carboidratos, além da observação de que as “beliscadas” precisariam ser contidas.

Muita atividade física ajudaria a preservar a massa muscular, a massa magra, e, desse modo preservar o gasto energético e o metabolismo basal. Ao contrário do apetite, estes fatores poderiam ser controlados pelas mulheres, pelo menos parcialmente, através de exercícios regulares, especialmente o treinamento com pesos ou com resistência.

2 comentários em “Na mulher + 40 a vontade de comer aumenta, sabia?”

  1. Boa tarde Sandra. Minha irmã indicou teu blog para leitura. Gostei muito! Todas matérias esclarecedoras. Estou na fase pós-menopausa e me identifiquei muito com a maioria dos ‘sintomas’ relatados. Minha fome aumentou tanto, depois da menopausa, que às vezes penso que comeria até ‘pregos’, kkk. Voltarei mais vezes para te ler! Abraços. Denair
    * tenho um blog de crônicas, se quiser dar um pulinho pra me ler é só acessar: http://denaescritora.blogspot.com

    Responder
    • Oi, Denair! Fico contente ao saber que meus posts possam colaborar na compreensão deste processo tão complexo. Afinal, esta é minha intenção ao escrever o Magnânimas. Achei a Menopausa bem difícil e, como tudo que é hormonal, extremamente abrangente…Pensei em compartilhar esta fase com outras mulheres mostrando um ângulo mais “médico”. O interessante é perceber que, apesar das manifestações físicas da Menopausa apresentarem muitas variações de mulher para mulher, os sentimentos parecem ser muito parecidos. Gostei muito do teu blog! Me identifiquei com a maneira de como estas ‘percebendo’ esta fase! Vou continuar te visitando. Bj, Sandra

      Responder

Deixe um comentário